Por que fazer parte do Corpo Diretivo?

20 de agosto de 2019 /

Por que fazer parte do Corpo Diretivo?

Um condomínio geralmente possui, além do cargo de síndico, alguns outros cargos que auxiliam na gestão do prédio. Como: subsíndico, conselheiros e comissões. A esses grupos de pessoas trabalhando em um condomínio, chamamos Corpo Diretivo.

Mas se já existe um síndico, pra que servem esses outros participantes?

O síndico tem suas várias obrigações e funções já determinadas pelo Código Civil e em grande parte do tempo está focado no exercício das funções legais do condomínio, como falamos no post do Super Síndico.

O cargo de subsíndico funciona como um suporte direto ao representante legal, no caso o síndico e na sua ausência, ele se torna responsável pelo edifício.

Os conselheiros também tem grande importância na gestão, pois são os responsáveis em acompanhar de perto o que está sendo realizado nos bastidores da gestão do condomínio. São responsáveis principalmente por vistoriar as pastas de prestação de contas mensais e também deliberar junto ao síndico sobre assuntos do condomínio.

Já as comissões geralmente são formadas para cuidar e/ou representar os moradores em assuntos de interesses específicos dos mesmos, por exemplo: organizar festas coletivas, auxiliar no planejamento e acompanhamento de uma obra específica, sinalizar sobre uma melhoria que a maioria tenha interesse e ajudar na implantação.

E por que fazer parte de um Corpo Diretivo? Antes de mais nada, para entender de perto como funciona ser representante do interesse de outras pessoas, contribuindo para a construção de algo. É possível aprender na prática como é lidar com pessoas dos mais variados pontos de vista em prol de um bem comum.

Participar de um Corpo Diretivo proporciona um alto exercício de empatia e ajuda na proteção do seu próprio patrimônio, uma vez que a pessoa responsável por gerir todos os recursos não está sozinha e as coisas não são vistas apenas sob uma ótica. Sem contar o crescimento pessoal, pois o exercício de se relacionar com pessoas diferentes traz incontáveis aprendizados e formas de enxergar as coisas e solucionar problemas.

É cansativo? Um pouco, mas ver o lugar onde você mora evoluir, prosperar e ter harmonia, não tem preço!


Se você gostou do assunto e gostaria saber mais sobre vida condominial, leia mais no nosso blog. 


Joyce Fernandes

Síndica Profissional desde 2015 – Formada pela Assosindicos 
Apaixonada por desafios e autoconhecimento
“Dispenso o que não me desafia e não me faz crescer.”

Comentários

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário!

1  +  9  =